A água da vida

“O que disse Cristo para a mulher samaritana junto ao poço de Jacó? ” Se conheceras o dom de Deus e quem é o que te pede: dá-me de beber, tu Lhe pedirias, e ELe te daria água viva…aquele, porém, que beber da água que Eu lhe der nunca mais terá sede, pelo contrário, a água que Eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para a vida eterna” (Jo 4:10,14).  A água, à qual Cristo se referiu era a revelação de Sua graça em Sua palavra. Seu espírito, Seu ensino, Seu amor são como um manancial que satisfaz cada pessoa. Todas as outras fontes às quais os homens recorrem demonstram-se insatisfatórias; mas a palavra da verdade é como correntes frescas, representadas como as águas do Líbano, que são sempre satisfatórias. Em Cristo está a plenitude de alegria continuamente. Os prazeres e diversões do mundo nunca são suficientes, ou curativos para a alma. Mas Jesus diz, “Quem comer a Minha carne e beber o Meu sangue tem a vida eterna” (Jo 6:54).

A presença graciosa de Cristo em Sua Palavra continuamente fala com a alma revelando-O como fonte de água viva  para refrigerar a sede. É o nosso privilégio ter um Salvador vivo e permanente. Ele é a fonte do poder espiritual em nós, e Sua inspiração se expandirá em palavras e ações que renovarão todos dentro da esfera de nossa influência, criando neles desejos e aspirações por força e pureza, por santidade e paz, por aquela alegria que não traz consigo nenhuma tristeza. Tal experiência será o resultado de ter Cristo como Salvador habitando no coração (Signs of the Times, 3 de setembro de 1896).”

Fonte: Comentários da Ellen G. White sobre a lição da Escola Sabatina dos Adultos, Saúde e Cura, p.24.

Anúncios

Tags: , ,


%d blogueiros gostam disto: